Economia

Guedes é a favor de dólar alto já que, segundo ele, domésticas iam à Disney quando câmbio estava baixo

Parece que o ministro da Economia, Paulo Guedes, não quer que as empregadas domésticas brasileiras consigam viajar para a Disneylândia. Entenda o porquê!

Parece que o ministro da Economia, Paulo Guedes, não quer que as empregadas domésticas brasileiras consigam viajar para a Disneylândia. Foi o que ele deixou transparecer na declaração que fez em um seminário em Brasília ontem, 12. Segundo o ministro, quando o dólar custava R$ 1,80, todo mundo conseguia ir ao famoso parque de diversões. Assim que ele disse isso, acrescentou que até as domésticas conseguiam fazer essa viagem.

No entanto, Guedes não mostrou ser muito favorável a essa “festa danada” (termo que ele mesmo utilizou).  “Vamos botar todo mundo para conhecer o Brasil”, ele disse. De fato, agora com o dólar a mais de R$ 4,30, chegando a recordes históricos, muitos brasileiros de classes sociais mais baixas não conseguirão sair do país. Continue lendo o nosso texto para saber mais sobre a declaração do ministro da Economia.

Mais informações sobre a declaração de Paulo Guedes

É importante mencionar que, ontem (12), o dólar fechou o dia em alta, sendo vendido a R$ 4,35. Essa valorização da moeda foi motivada pelo anúncio do desempenho do varejo do país e também pela diminuição dos temores relacionados ao coronavírus. Para o ministro da Economia, esse cenário está favorável. Isso porque, segundo ele, os brasileiros vão passear mais no Brasil. Segundo ele, há muita coisa bonita para se ver no nosso país.

Em certo momento da sua declaração, Guedes percebeu que a sua fala teria repercussão na imprensa. Por essa razão, ele buscou melhorar o que disse.

Segundo o ministro, ele não queria que os jornais enfatizassem, na sua declaração, o fato de que as empregadas domésticas estavam indo para Disney quando o câmbio estava baixo. Segundo ele, o que ele quis dizer é que todo mundo estava indo para o parque de diversões norte-americano na época, “até as classes sociais mais baixas”.

Percebemos com a fala do ministro que, agora com a alta do dólar, o governo finalmente colocará os pingos nos is. Os pobres passarão as suas férias no Brasil, conhecendo as belezas do país (se assim for possível), e os ricos farão o que quiser com o seu dinheiro. Afinal eles conseguirão bancar o dólar no preço em que está.

Considerações finais

Tendo dito isso, nós do Financeiro Consulte esperamos que você tenha entendido a declaração do ministro da Economia, Paulo Guedes. Comente o que você achou do posicionamento do governante. Além disso, não deixe de continuar acompanhando o nosso site para saber mais notícias a respeito da economia do país e do mundo!

 

Fonte: G1

Em Alta

content

Cartão Sicredi Mastercard Black

Saiba tudo sobre o cartão Sicredi Mastercard Black que oferece um dos melhores programas de pontos do mercado. Acesse o nosso site!

Continue lendo
content

Cartão de crédito consignado Cetelem

Conheça o cartão de crédito consignado Cetelem que oferece diversos benefícios e ainda aprova para negativados! Acesse o nosso site.

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Serasa Limpa Nome: Quite as suas dívidas pagando parcelas de R$9,90

Conheça o Serasa Limpa Nome e quite todas as suas dívidas pagamento somente parcelas de R$09,90! Acesse nosso site para saber mais.

Continue lendo
content

Cartões de crédito tradicionais: Conheça as melhores opções

Conheça os melhores cartões de crédito tradicionais e escolha a opção perfeita para você. Acesse o nosso site agora mesmo.

Continue lendo
content

Saiba como solicitar o cartão de crédito Bradesco Gold

Veja agora como solicitar o cartão de crédito Bradesco Gold e ter acesso a todas as vantagens oferecidas! Acesse nosso site para saber mais,

Continue lendo