Economia

O Digio oferece pagamentos via PIX no cartão de crédito, mas com juros!

O Digio lançou uma grande novidade recentemente, o pagamento via PIX no cartão de crédito! Acesse nosso site para saber mais.

Anúncios

Um dos bancos digitais que mais está agradando aos clientes é o Digio. Feito de uma parceria entre o Banco do Brasil e Bradesco, o cliente pode contar agora com uma novidade interessante: pagamento via PIX no cartão de crédito. 

Desde a chegada do PIX no mercado, ele tem revolucionado os pagamentos. A partir do lançamento do Digio, o cliente poderá fazer pagamentos usando o limite do seu cartão de crédito, entretanto, pagando juros por isso. 

O limite a ser utilizado pode chegar aos 40%, com uma taxa de juros de cerca de 9,9% ao mês, que é um valor bem acima do presente no mercado. Para começar a usar, basta ser cliente e seguir o regulamento do banco. 

Entenda como funciona o PIX com cartão de crédito Digio 

O pagamento por PIX com o cartão de crédito Digio vai funcionar por meio do próprio aplicativo. Assim, o cliente pode fazer pagamentos de até 40% do valor total do seu limite e ainda pode parcelar este valor. 

Entretanto, conforme descrito anteriormente, para fazer este tipo de transação é necessário que o cliente pague juros. Quanto maior o número de parcelas escolhida, maior a quantidade de juros que deverá ser paga. 

O parcelamento pode ser feito em até 12 vezes, no qual o cliente paga um valor de cerca de 9,9% ao mês. Por isso, é necessário ficar atento: quanto menor a quantidade de parcelas, mais o cliente sai ganhando. 

O valor mínimo de pagamento é de R$50 reais, enquanto o valor máximo pode chegar aos R$3000 mil reais. Vale lembrar que esta transação aparecerá na fatura juntamente com as outras compras do cliente. Além disso, o limite do cartão só será liberado na medida em que as parcelas forem sendo pagas ao longo dos meses. 

Passo a passo para fazer PIX com o cartão Digio 

Quem deseja fazer o PIX com seu cartão de crédito Digio, deve acessar o seu aplicativo do banco e clicar no menu. Depois, ele deve clicar em “Pagar com PIX”.

Na hora de escolher como o pagamento será feito, o cliente deve optar pelo pagamento com o cartão de crédito Digio, clicando em “Parcelar no DigioCartão”. Depois é só escolher a quantidade de parcelas desejada e fazer a confirmação.

Vale lembrar que é muito importante que os clientes tenham consciência de que os juros estão acima da média do banco Central, que está na média de 8,48%, quantidade cotada no mês de abril de 2021. 

Saiba como solicitar o cartão de crédito Digio 

Quem deseja ser um cliente Digio e ter um cartão de crédito com aplicativo moderno e sem o pagamento de anuidade, deve acessar seguir os seguintes passos: 

  • Acesse o site Digio Cartão;
  • Insira seus dados pessoais, nome, e-mail, celular, CEP e data de nascimento;
  • Depois é só finalizar clicando em “Peça o seu Cartão”; 
  • Você passará por uma análise de crédito e caso for aprovado, o banco entrará em contato para que você possa informar o restante dos dados.

Em Alta

content

Cartão de crédito do Banco BMG

Conheça agora o Cartão de crédito do Banco BMG que pode ser solicitado por servidores públicos, aposentados e pensionistas do INSS.

Continue lendo
content

Saiba como aumentar o score através das nossas dicas especiais

Separamos algumas dicas especiais para te ajudar a aumentar o score, basta segui-las e em pouco tempo sua situação pode mudar, confira!

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Como faço para solicitar meu cartão de crédito das Casas Bahia?

Caso esteja interessado em solicitar um cartão de crédito das Casas Bahia, mas não sabe como, não se preocupe. Acesse o nosso site!

Continue lendo
content

Saiba como solicitar o cartão de crédito Aeternum

Se você está em busca de um cartão que ofereça benefícios exclusivos, saiba como solicitar o cartão de crédito Aeternum! Acesse nosso site.

Continue lendo
content

Cartão Bradesco Elo Grafite

Conheça o cartão Bradesco Elo Grafite que oferece ótimos benefícios! Acesse nosso site para saber mais informações.

Continue lendo